BLOG

Em Busca de Conversão

Marketing Digital | 14 de novembro de 2011

Fato: “O objetivo de qualquer atividade profissional privada, é o lucro obtido através da conversão”.

Conversão de leads em compradores e de compradores em clientes! Sim, nem todo o comprador é exatamente um cliente, a não ser que você trabalhe com um modelo de negócioque não necessite ou não permita o retorno de um comprador, ou seu engajamento a sua campanha. (complicado isso, mas...)

Todas as estratégias de SEO, SEM, SMO, Cross-Media e seja lá quais outras você estiver fazendo, só terão um real propósito de ser, se você tiver objetivos bem definidos para o seu trabalho; se você estiver em busca de conversão.

Converter é arte de persuadir seu prospect, a aderir aos apelos de sua investida mercadológica. Seja ela em uma venda pessoal, como em uma loja física ou virtual.

Estratégias de Conversão

Existem hoje várias estratégias que podem lhe ajudar a filtrar a sua audiência, e acredite, além de funcionar muito bem, estes filtros são muito bem vistos aos olhos do cliente convicto e prático, aquele que entra em seu site disposto a comprar seu produto ou requisitar seu serviço.

O começo é simples: Coloque-se no lugar de seu cliente, ou melhor, convide algum amigo que não esteja acostumado com seu site e peça-o para navegar e fazer testes de conversão. Ou seja, peça-o para tentar comprar produtos e registrar suas dificuldades durante o processo.

As pessoas se surpreendem quando percebem que seu site de venda, não tem bons argumentos de fechamento, ou pior, quando os têm, não há um botão de comprar ao seu lado. E teste, teste sempre! A cor ou o tamanho da foto do produto ou botão, podem fazer diferença sim, nos resultados.

O exagero na discrição, ou a preocupação excessiva com a estética, fazem com que profissionais percam o foco no objetivo principal do trabalho e se atenham aos meios e processos vazios que não levam a lugar algum.

Algumas dicas para atingir conversão:

- SEMPRE tenha um canal claro, visível e específico para o fechamento direto; Sempre vão existir clientes que entrarão em seu site especificamente para realizar a compra, não atrapalhe ou coloque empecilhos demais em seu caminho. Pelo contrário, facilite a sua vida! Então, tenha um site profissional!

- Aprenda a fazer perguntas; Canais como: Tire suas dúvidas, perguntas frequentes ou campos de comentário não existem por acaso. Busque descobrir quais são as principais barreiras que seus clientes enfrentam, até estarem decididos a efetivar a operação e vá eliminando-as uma-a-uma.

- Evite longos formulários ou campos desnecessários, por mais usuais que sejam. O que não for realmente necessário tire do caminho.

- Analise o tráfego e os passos de seus clientes em seu site, veja onde os clientes desistem ou voltam atrás. Requalifique o conteúdo destas páginas continuamente se necessário.

- Tenha em mente o perfil de cliente que você está atendendo; Analise as estratégias de sua concorrência e siga o padrão de efetividade, ligado ao bom senso praticado para aquele segmento. Ex: Se você vende produtos de valor agregado alto, foque sua comunicação na satisfação que o mesmo proporciona a quem pode adquiri-lo, e não aos 5% de desconto que você poderia oferecer.

Não sabe como fazer isso, então não tenha vergonha de pedir ajuda. Busque uma consultoria Web profissional para ajudá-lo. Os resultados vão surpreendê-lo. Pelo simples fato de que não existem milagres, é puro trabalho. E neste caso também, a experiência conta muito.

Existem centenas de estratégias de conversão, cada negócio tem suas particularidades, mas o princípio é o mesmo. Todos nós precisamos atingir nossas metas de vendas, e para isso, precisamos conhecer e atender nossos clientes de forma eficiente. Vejam estas dicas para conversão em carrinhos de compras.

Mantenha o foco em seu objetivo final, lembre-se:

Mesmo em gestão de processos, onde o meio está em foco, qualquer esforço só se justifica se o fim compensar o investimento. Portanto:

“Os fins justificam os meios!”  Nunca o contrário!