Entender as diferenças entre marketing tradicional e marketing digital é essencial para realizar ações efetivas junto ao seu negócio e conquistar seu público. Mas antes, você sabe o que é marketing? Muitas pessoas acreditam ser sinônimo de publicidade, mas essas são duas coisas diferentes.

O marketing é a grande estrela do setor de vendas, voltado para a elaboração de estratégias de vendas sempre pensando no público alvo e nas características do negócio. Já a publicidade utiliza a comunicação para solidificar a imagem da empresa perante o mercado.

Hoje em dia, o marketing se ramifica em duas vertentes: o marketing tradicional e o marketing digital. Ambos são necessários para o sucesso de suas ações, mas o marketing digital vem ganhando cada vez mais espaço por seus vários benefícios. Entenda as diferenças!

Acessível, adaptável e barato

Logo de cara, essas são três características importantes do marketing digital que devem ser levadas em consideração, em contraponto ao marketing tradicional. Como é feito na internet, o marketing digital é benéfico para empresas de qualquer porte, pode ser feito mesmo diante de certa escassez de recursos e atrai o cliente de maneira natural, enquanto as ações tradicionais vão até o cliente para tentar conquistá-lo.

Isso quer dizer que investir no marketing digital é relativamente mais simples e extremamente útil, inclusive para pequenas empresas que estão começando e não possuem a verba para outros modelos de atuação.

Estrutura, diálogo e tempo

A estrutura dessas duas linhas de marketing também é bastante diferente. Enquanto o marketing tradicional é todo definido antes de ser posto em prática, o marketing digital é mais fluido e vai levando em consideração as reações do público para seguir adiante.

No marketing tradicional, as marcas falam de si mesmas quando se direcionam ao público, por meio de anúncios, ações e campanhas, mas não existem canais de diálogo acessíveis e bem definidos. Já no digital, falar e ouvir é a regra e o público sempre consegue se conectar com as marcas por meio de mensagens em diferentes plataformas.

Além disso, as ações de cada vertente levam tempos distintos. No marketing tradicional, existem campanhas de longo prazo que não são vistas no marketing digital, que, como falamos, vai se transformando a partir da resposta do público. E vale ressaltar: na internet, esse diálogo é possível 24h por dia e as marcas devem estar atentas e disponíveis a isso.

Alcance, abordagem e profissionais preparados

Imagine que a Internet não tem lá muitas fronteiras, o que significa que aquilo que a sua empresa posta online pode ser acessado por um número de pessoas muito maior do que aquele referente às ações tradicionais de marketing. As possibilidades de prospecção de novos clientes são muitas, mas para isso é essencial também estar atento à linguagem.

A abordagem online não pode ser a mesma da abordagem numa página de revista, correto? E, mesmo na Internet, a linguagem utilizada num post de blog não será a mesma da utilizada numa postagem de Instagram. Uma empresa atenta a isso conquista muito mais clientes e cria uma relação de mais confiança com eles. 

Outra diferença importante é que, no marketing digital, a empresa precisa de menos colaboradores envolvidos nas ações e projetos da marca. Mas é imprescindível que esses profissionais sejam especialistas no universo digital! É comum que marcas com pouco conhecimento na área contratem os mesmos profissionais responsáveis por suas ações offline, mas, como vimos ao longo desse texto, ambos são bem diferentes e necessitam de um olhar apurado e analítico, de acordo com suas especificidades.

Agora que você já entendeu as principais diferenças entre marketing tradicional e marketing digital, que tal compartilhar esse post nas redes sociais e convidar mais pessoas a se aprofundarem no assunto?

Quem já comentou sobre isso: