Durante muitos anos o e-mail marketing foi sinônimo de spam. Mas, graças às ferramentas de automação e do aperfeiçoamento dessa estratégia, hoje ele se transformou em uma das melhores maneiras de se comunicar com o seu público-alvo.

Quer saber mais sobre o assunto? Descubra tudo o que você precisa conhecer sobre e-mail marketing e como as PMEs podem obter bons resultados por meio dessa ferramenta.

Base de e-mails

Para criar campanhas realmente efetivas — que entreguem a mensagem certa, para a pessoa certa, no momento certo — construir uma boa base de e-mails, também conhecida como mailing, é essencial. E isso quer dizer que comprar listas não é recomendado em hipótese alguma!

O primeiro passo necessário para essa construção é a coleta de e-mails dos seus potenciais clientes, que pode ser feita por meio da newsletter no seu site ou blog, cadastro de usuários, promoções ou download de conteúdos exclusivos.

Mas lembre-se: os usuários não gostam de perder tempo com longos formulários. Quanto mais rápido for o processo, melhor será a coleta. Por isso, facilite a experiência simplificando ao máximo o cadastro de e-mails.

Além disso, para alcançar bons resultados você deve estar atento à segmentação e manutenção da sua base. Tão importante quanto conseguir novos contatos é manter os que você já tem, e isso só é possível com um bom trabalho de nutrição. É essencial fazer a limpeza periódica do seu mailing, excluindo contatos inativos ou desinteressados.

Formatos de divulgação

Para entender como o e-mail marketing pode trazer bons resultados para a sua empresa, é preciso conhecer os diferentes formatos de divulgação e comunicação que podem ser feitos por meio dele.

Um dos tipos de e-mail marketing mais comuns é a atualização de blog. É possível anunciar quando um conteúdo novo é postado e estabelecer uma interação direta com os seus leitores. Além disso, você pode divulgar promoções e estimular a participação e engajamento do seu mailing.

Muito utilizada pelos e-commerces, a newsletter contém atualizações, que podem ser mensais ou semanais, com os principais posts e novidades sobre o seu mercado de atuação. Com esse formato você mantém os seus leitores por dentro do seu conteúdo e os direciona para links externos no seu site.

E se você busca investir em ações mais segmentadas, os e-mails de nutrição de leads são a melhor opção. Ao identificar os interesses de um determinado grupo de potenciais clientes você consegue enviar um conteúdo mais relevante e específico, conduzindo-o ao longo do funil de vendas.

Ferramentas de automação

Se você está começando a usar o e-mail marketing na sua estratégia digital, um dos ingredientes mais importantes para o sucesso são as ferramentas ou softwares de automação. Mas, afinal, o que é isso?

As ferramentas de automação foram desenvolvidas com o objetivo de otimizar o uso do seu e-mail marketing, seja por meio do disparo de conteúdo em massa, da limpeza periódica do mailing ou da segmentação dos seus leads.

Existem diversas opções no mercado, mas o mais importante é encontrar uma ferramenta que atenda às suas necessidades, respeitando as práticas do mercado e garantindo a qualidade no recebimento da sua mensagem. Caso contrário, todo o seu esforço vira spam.

Como você pode perceber, o e-mail oferece diversas possibilidades para os seus usuários, gerando resultados realmente satisfatórios. E com as nossas dicas, você vai conseguir inserir essa ferramenta na sua estratégia de uma forma simples e eficiente.

Agora que você já sabe tudo sobre e-mail marketing, que tal expandir ainda mais o seu conhecimento? Entenda a jornada de compra do seu cliente e aprenda a converter mais leads usando o funil de vendas.

Quem já comentou sobre isso: